NovidadesPolítica

Prefeitos se reúnem com bancada do Amazonas para pedir ajuda para o interior

eduardo braga e prefeitos2TABATINGA – O senador Eduardo Braga (PMDB/AM) e parlamentares da bancada do Amazonas no Congresso Nacional estiveram nesta terça-feira (09) com prefeitos do interior do estado que estão em Brasília participando da 16º Marcha Nacional dos Prefeitos. Os chefes dos executivos municipais entregaram uma pauta reivindicando aprovação de projetos e derrubada de vetos presidenciais, além de expor alguns dos principais problemas enfrentados nos municípios.

Um desses problemas se refere à falta de médicos para atender a população do interior. Segundo o prefeito de Tabatinga, Raimundo Carvalho Caldas – Calango, para garantir atendimento médico no município, a prefeitura paga R$ 15 mil para um médico trabalhar no programa Médico da Família .

Por conta dos altos salários exigidos pelos médicos para atender no interior, vários prefeitos disseram estar preocupados se o programa Mais Médicos, lançado ontem (08) pelo governo federal e que oferecerá R$ 10 mil para médicos atuaram em regiões carentes do país, vai ser suficiente para manter os profissionais nos municípios.

“Hoje eu pago mil reais líquidos, por dia, para um médico aceitar trabalhar em Juruá. Eles exigem assim. Será que com R$ 10 mil conseguiremos atrair médicos para atender no município?”, desabafou o prefeito Tabira Ferreira.

O senador Eduardo Braga informou que a bolsa do governo federal poderá ser complementada pelas prefeituras e que os prefeitos agora poderão contar com uma ajuda que antes não tinham.

“Isso é muito mais do que o nada que nós tínhamos antes. Pela primeira vez, o governo federal está olhando para os lugares onde faltam médicos e onde não existe nenhum médico, como ocorre em cerca de 700 municípios brasileiros. E os municípios poderão ter médicos regularizados, com registro, que são importantes na hora da prefeitura cobrar os serviços oferecidos pelo Sistema Único de Saúde e que precisam de atestado de execução por um médico registrado”, explicou.

Braga também explicou aos prefeitos que há vários programas federais que as prefeituras poderão acessar, mas, para isso, é preciso que elas estejam adimplentes com a União.

“Em relação às dívidas com o INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social), o governo lançou um programa que permite o parcelamento. E, a partir do momento em que o prefeito protocola o pedido de parcelamento, o município sai da lista de inadimplentes. Coloco-me à disposição e meu gabinete à disposição dos prefeitos para auxiliá-los nos procedimentos para acessar recursos federais”, disse Braga.

Maior repasse de recursos do Fundo de Participação dos Municípios, dificuldades com a cheia dos rios e geração de renda e emprego foram outros assuntos pautados na reunião. Além dos prefeitos de Manacapuru e Juruá, participaram do encontro os prefeitos de Maués, Silves, Guajará, Tabatinga, Anori, Novo Airão, Maraã, Anamã e Borba.

Além de Braga, participaram os deputados federais Átila Lins, Plínio Valério, Luiz Fernando Nicolau e Plínio Valério e, ainda, os senadores Vanessa Grazziotin e Alfredo Nascimento.

O presidente da Associação Amazonense de Municípios (AAM), Iram Lima, disse que as informações repassadas por Eduardo Braga e os demais parlamentares tranquilizam os prefeitos.

“O senador nos deixou muito tranquilos em relação a essa pauta de nos apoiar, de buscar cada vez mais recursos para os municípios. Por isso, agradeço a presença dele e de todos os outros parlamentares e gostaria de dizer que, daqui pra frente, a luta, como o senador falou, vai continuar de mãos dadas com os prefeitos”, disse.

Fonte: Assessoria de Imprensa Eduardo Braga

Related Articles

Deixe uma resposta

Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker