NovidadesSaúde

Programa Federal dobrará o número de médicos formados no país

Editais-areas-ciencia-tecnologia-pesquisa_ACRIMA20130807_0021_15

O senador Eduardo Braga (PMDB/AM), em aparte ao discurso do senador Humberto Costa (PT/PE) no plenário, disse hoje (28) que o programa Mais Médicos, do governo federal, não está restrito à contratação de médicos estrangeiros.

Braga destacou que o programa, cuja Medida Provisória (MP 621/2013) está em tramitação no Congresso, vai dobrar o número de vagas de cursos de medicina no país, possibilitando a formação de médicos em áreas mais periféricas, e vai também aumentar significativamente o número de vagas para a residência médica.

“O Programa Mais Médicos precisa ser, obviamente, cada vez mais debatido, cada vez mais compreendido, e até mesmo aprimorado pelo Congresso Nacional. Mas não tenho dúvida nenhuma de que a presidenta Dilma Rousseff teve a coragem, a ousadia e a vontade política para enfrentar uma das grandes deficiências que o Brasil tinha para poder avançar na área de saúde”, afirmou o senador.

Sobre a vinda de médicos estrangeiros para o país, Braga disse que durante sua gestão à frente do governo do Amazonas teve boas experiências de parceria com profissionais de Cuba, Colômbia, Bolívia e Peru.

Sobre Cuba, especificamente, o senador disse ter recebido médicos cubanos para trabalhar na erradicação da dengue no Amazonas.

“Houve um esforço gigantesco, com parceria de tecnologias de ponta, com diversos institutos de Cuba. Desenvolvemos também pesquisa conjunta sobre o combate à malária”, concluiu.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Senador – www.senadoreduardobraga.com.br

 

Related Articles

Deixe uma resposta

Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker