Notícia LocalNovidades

Videomonitoramento e integração de policias vão reforçar a segurança nas fronteiras em 2015

Depois de dois dias de discussão sobre política de segurança pública nos municípios brasileiros que fazem fronteira com outros países sul-americanos, o próximo passo agora é executar os projetos elaborados e que foram explanados no I Simpósio de Segurança Pública nas Fronteiras do Amazonas e o XII Encontro Técnico da Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras na cidade de Tabatinga.

seguranca

Videomonitoramento, reforço do sistema prisional e o aumento do efetivo da força policial são algumas ações imediatas que a partir do próximo ano, o governo federal e estadual vão realizar em algumas das 588 cidades de fronteira, prova disso, é que Tabatinga vai ter câmeras em pontos específicos para fazer a vigilância, é o que afirma o secretário de segurança do Estado, Paulo Roberto Vital, “Em 2015 tabatinga vai ter câmeras na Avenida da Amizade, aeroporto e porto”.

Complementado o secretário Vital, o coronel Ary Renato um dos responsáveis pelo Simpósio de segurança, afirma que um dos maiores desafios na fronteira do Amazonas é obter recursos financeiros dos governos, porém, é possível supera-los a exemplo disso é a obtenção de  câmeras, “ Além de Tabatinga, São Gabriel da Cachoeira, Atalaia do Norte e Santo Antônio do Iça vão ser monitoradas e também vão receber um centro de comando de controle móvel moderno que irá controlar e agilizar os trabalhos de segurança”.

Para ter um “sucesso” e melhor compreensão da realidade vivida pelas cidades fronteiras, os encontros acontecem apenas nos municípios que fazem divisa com outros países, pois somente assim o governo federal vai entender de fato como se trabalha e quais são os desafios existentes, é o que afirma Gileno Euzébio, coordenador geral do ENAFRON.

Estados diferentes porém mesma realidade

O encontro realizado em Tabatinga no mês de novembro, deu a chance dos representantes das cidades de outros estados compartilharem a rotina de trabalho e o desafios de se manter a segurança, como é caso de Marcelo Fiório, comandante da 12ª companhia do corpo de bombeiros de São Miguel do Oeste de Santa Catarina que faz divisa com a Argentina, “O nosso trabalho de combate é contra o contrabando de produtos ilegais e tráfico de drogas, onde inicialmente nós fazemos barricadas policiais para tentar conter as ilegalidades”.

Na cidade de Bonfim, Roraima, que faz fronteira com Guiana Inglesa, o combate é contra o tráfico de pessoas como afirma a prefeita do município Lisete Spies, “Esse tipo de encontro fortalece os municípios pois aponta os trabalhos a serem feitos, em Bonfim os trabalhos são contra o tráfico de pessoas”.

Mas para Lisete o desafio é superado não só na segurança, mas principalmente no  investimento na educação e na formação do cidadão.

2015

Os próximos encontros vão acontecer em Rondônia, Foz do Iguaçu e Pará.

Fonte e fotos: Secom – www.tabatinga .am.gov.br

Related Articles

Deixe uma resposta

Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker