Notícia LocalNovidades

Morre em Manaus o médico Rogélio Campuzano vítima de Covid-19

Amigos próximos de Rogélio Campuzano confirmaram em suas redes sociais a morte do médico na manhã desta quinta-feira (11), no hospital Delfhina Aziz em Manaus.

O médico estava há 26 dias lutando contra a Covid-19 na unidade de saúde que é referência no tratamento do novo coronavírus no Amazonas.

O médico Rogélio Campuzano nasceu em Huila em 10 de março de 1975, departamento da Colômbia, filho do colombiano Antônio Campuzano e da brasileira Gladys Cachaya era o primogênito da família de três irmãos.

A maternidade concedeu-lhe o direito de ser um cidadão brasileiro (“jus sanguinis”, Inciso I, artigo 12 da Constituição Brasileira).

Formado em medicina há 23 anos, desde 2005 trabalhava na região do Alto Solimões onde ficou bastante conhecido pelos mutirões de cirurgias que realizava nos municípios.

O corpo do médico chegou hoje (11) em Tabatinga.

A aeronave saiu as 13:00hs do aeroporto de Manaus e chegou às 17:00hs em Tabatinga.

O cortejo fúnebre seguiu pela Avenida da Amizade.

Além da medicina Rogélio Campuzano também foi candidato a Deputado Estadual no Amazonas pelo PMN na eleição de 2018 onde obteve 17.157 votos.

Na época teve uma expressiva votação na região do Alto Solimões, mas não chegou a ser eleito.

Tabatinga 8.326 votos (34,74%)

Benjamin Constant 3.109 votos (20,58%)

Amaturá 1.365 votos (30,60%)

Atalaia do Norte 1.062 votos (19,94%)

Tonantins 873 votos (13,89%)

São Paulo de Olivença 753 votos (5,82%)

Santo Antônio do Içá 605 votos (6,33%)

Jutaí 18 votos (0,24%)

Fonte Boa 9 votos (0,09)

Rogélio Campuzano deixa dois filhos e esposa.

Por: Rôney Elias

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios