NovidadesSaúde

Amazonas tem quase 300 mil casos da Covid-19 com festas e aglomerações

Nesse domingo (14), o total de casos de Covid-19 no Amazonas chegou a 294.954, sendo 9.872 mortes, segundo dados da Fundação de Vigilânccia em Saúde (FVS). Já no sábado (13), após receberem uma denúncia anônima, policiais militares da 16ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) encerraram uma festa clandestina que acontecia em uma casa localizada na rua Estrela Dalva, bairro Aleixo, na zona centro-sul de Manaus. Cerca de 40 pessoas estavam no local.

Os policiais faziam o patrulhamento de rotina quando foram acionados. A guarnição se deslocou ao endereço indicado na denúncia, por volta das 0h30. Além da aglomeração de pessoas na residência, também foram encontradas bebidas alcoólicas, caixa de som e um narguilé.

O proprietário da residência e o sócio dele, suspeito de alugar o imóvel para a realização da festa clandestina, foram identificados e conduzidos ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Boletim

Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 1.651 pacientes internados, sendo 1.004 em leitos clínicos (254 na rede privada e 750 na rede pública), 600 em UTI (264 na rede privada e 336 na rede pública) e 47 em sala vermelha, estrutura voltada à assistência temporária para estabilização de pacientes críticos/graves para posterior encaminhamento a outros pontos da rede de atenção à saúde.

Há ainda outros 429 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 313 estão em leitos clínicos (60 na rede privada e 253 na rede pública), 82 estão em UTI (53 na rede privada e 29 na rede pública) e 34 em sala vermelha.

Ao todo, sete municípios não atualizaram o sistema de informação para consolidação dos dados do boletim. São eles: Alvarães, Atalaia do Norte, Anori, Juruá, Manaquiri, Santa Isabel do Rio Negro e Tapauá.

Fonte: D24am

Deixe Sua Curtida
Curtir Amei Haha Uauu Triste Grrr

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios